Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Defender o Quadrado

Nesta casa serve-se tudo a quente. As cadeiras são de pau e têm as costas direitas. Há sempre pão a cozer e o conforto da desarrumação. A porta está sempre aberta... mas fecha-se rapidamente aos vermes que infestam alguns cantos do quadrado. Sejam

Ideologia ambiental

 

 

A Cimeira de Copenhaga irá ficar conhecida provavelmente mais pelo Climagate do que propriamente pelas metas e acordos que conseguir em relação aos compromissos de redução de emissões de CO2.

 

Não me parecem questionáveis as vantagens globais de um esforço combinado de despoluição atmosférica, de aposta em energias renováveis alternativas, de redução e reciclagem dos lixos, da gestão criteriosa dos recursos naturais, nomeadamente hídricos, de protecção de espécies ameaçadas, em suma, de respeito pelo ambiente e pelo planeta.

 

Mas isso não deve ser feito através da intoxicação da opinião pública com ameaças e previsões de assustadoras, baseadas em estudos científicos que, pelo que se vai sabendo, têm sido orientados para concluir que o aquecimento global está a acelerar pelo efeito no ambiente do Homem.

 

A ciência faz-se todos os dias e o que é uma certeza hoje pode tornar-se incerteza amanhã. A comunidade científica é formada por pessoas, tão permeáveis como quaisquer outras a pressões e lobbies. Os emails revelados fazem suspeitar de uma gigantesca mistificação de contornos ainda pouco nítidos.

 

Interesses poderosos há-os da parte das companhias petrolíferas. Mas não os haverá também da parte dos grupos que se dizem defensores do planeta e profetas das iminentes catástrofes?

 

(Também aqui)