Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Defender o Quadrado

Nesta casa serve-se tudo a quente. As cadeiras são de pau e têm as costas direitas. Há sempre pão a cozer e o conforto da desarrumação. A porta está sempre aberta... mas fecha-se rapidamente aos vermes que infestam alguns cantos do quadrado. Sejam

Prosas Bíblicas - Livro 1

prosas biblicas 1.jpg

 

(…) Aqui, os sentimentos são também razões e vice-versa, numa fusão mediante a qual todas as fronteiras conceptuais parecem esbater-se, num mecanismo cujo efeito pode ser, de certo modo, libertador, mas permanece ciente da humildade humana perante uma outra dimensão (chamemos-lhe divina) que radica no humano mas se situa infinitamente para lá do humano: “Ao longe está a candeia / As flores que sempre sonhei / Desejo que me incendeia / Palavras que eu criei // As grades estão quebradas / O dia escureceu / Tenho mil e uma estradas / Nenhuma que chegue ao céu”. (…)

O HUMANO E O DIVINO – Fernando Pinto do Amaral - prefácio de Prosas Bíblicas

 

12.

Sequei a água do mar

Abri as portas que encerra

O mundo a transbordar

Das incertezas da terra

 

Ao longe está a candeia

As flores que sempre sonhei

Desejo que me incendeia

Palavras que eu criei

 

As grades estão quebradas

O dia escureceu

Tenho mil e uma estradas

Nenhuma que chegue ao céu

 

Livro 1 (pág. 26)