Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Defender o Quadrado

Nesta casa serve-se tudo a quente. As cadeiras são de pau e têm as costas direitas. Há sempre pão a cozer e o conforto da desarrumação. A porta está sempre aberta... mas fecha-se rapidamente aos vermes que infestam alguns cantos do quadrado. Sejam

Da revolução democrática (1)

alexis.jpg

Alexis Tsipras 

 

A vitória do Syriza, na Grécia, é a demonstração de que, em democracia, o poder está no voto. Ao arrepio dos avisos que lhe fizeram os eurocratas, a Grécia decidiu dar a maioria, se calhar absoluta, a quem defende o fim da política de austeridade que tem dominado a Europa durante estes últimos anos.

 

Vamos ver o que se vai passar e como é que os outros países intervencionados se vão posicionar na necessária recomposição das negociações. Portugal, com Passos Coelho, tem feito sempre marcha atrás. Será que agora, também em período pré-eleitoral, vai desdizer tudo o que disse e fez, como parece ser a intenção ao ouvir o que o PSD e o CDS afirmam sobre a decisão de Mário Draghi, no BCE?

 

Pode ser o início de uma mudança que é urgente. A revolução vem do exercício democrático e de eleições livres. É tão bom relembrar estas verdades.