Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Bloqueio Institucional e político

O Chega que já chegou

por Sofia Loureiro dos Santos, em 27.03.24

Parlamento.jpg

Dignidade

 

O dia de ontem, na Assembleia da República, foi o início de uma caminhada para o abismo na credibilidade e na qualidade dos trabalhos parlamentares.

Tudo foi mau: modos, atitude, grosseria e, mais grave que isso, o total desrespeito pelo papel dos deputados e do Parlamento. A globalização do Trumpismo, do achincalhamento, da falta de sentido de Estado e de Serviço Público ficou bem patente com as decisões e contra-decisões dos deputados do Chega. Excepção foi a dignidade com que António Filipe conduziu os trabalhos.

Será o mote para uma legislatura de bloqueio. Até às próximas eleições.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:07


16 comentários

Sem imagem de perfil

De s o s a 28.03.2024 às 22:25

nao sei se nao esta errada, ao menos mais ou menos errada.

Numa coisa tenho a certeza acerta:

nas proximas eleiçoes, sejam elas quando forem, quiça daqui a 4 anos .
Sem imagem de perfil

De Margarida da Conceição Sá Alves a 29.03.2024 às 09:52

Minha senhora.
Os senhores da AD ou PSD é que estiveram mal, mas muito mal.
Fizeram um acordo de cavalheiros (que deviam ser, mas não são) com o Chega e depois tiraram-lhes o tapete e provocaram aquele burburinho todo.
É preciso ser sério(a) nos comentários.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 29.03.2024 às 19:25

esta senhora tem de mudar de fornecedor, pois o que anda a tomar esta adulterado....... muitas alucinações
Sem imagem de perfil

De anonimo2 a 30.03.2024 às 07:51

... aconselharia esta dita sra... a tomar os medicamentos regularmente e a deixar essas coisas....o tabaco faz menos mal...
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 29.03.2024 às 15:59

Sra. Loureiro.
Então diga-me lá, o NÃO É NÃO e depois na hora H dá cá para cá os votos dos 50 deputados? Se NÃO É NÃO, então não há que contar com estes votos só quando dá jeito não acha?
Sem imagem de perfil

De Manuel Dias a 29.03.2024 às 19:34

O "NÂO È NÂO" funcionou, em parte. Para a Presidência, a AD não escolheu o candidato do CHEGA e vice-versa. Já para o vice-presidência, a AD aprovou o candidato do CHEGA.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 30.03.2024 às 09:40

Minha senhora, é tempo de descer .... deixe Marte.
Perfil Facebook

De José Gonçalves a 30.03.2024 às 18:03

"grosseria" está bem patente aqui em alguns comentários. ..
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 31.03.2024 às 13:35

Gato escondido com o rabo de fora...
Sem imagem de perfil

De António Manuel Caçador Ferreira a 01.04.2024 às 08:20

Quer se queira ou não o partido Chega vai duplicar os votos na próxima consulta popular! Os Portugueses já começaram a ver o «cú» dos partidos do sistema e já se sabe que fazem este bloqueio ao Chega e esta narrativa falsa e injuriosa de fascistas e perigo á democracias para poderem proteger o seu poder sobre os «TACHOS»!!! PSD e PS podem vir a ser derrotados e castigados severamente pelos Portugueses se não mudarem de atitude e começarem eles mesmos a promoverem a democracia! Querer acabar com o Chega não é democrático! Pensem bem nisso!
Perfil Facebook

De José Gonçalves a 01.04.2024 às 11:02

A propósito de «TACHOS»/Eleição do Presidente da AR disse Ventura: “A ligação entre PS e PSD a altas horas da noite" para "... distribuírem entre si tachos".
Vice-Presidentes:
PSD - Teresa Morais - Tacho
PS - Marcos Perestrello - Tacho
CHEGA - Diogo Pacheco de Amorim - NÃO TACHO!
IL - Rodrigo Saraiva - Tacho
Secretários:
PSD - Jorge Paulo Oliveira e Maria Germana de Sousa Rocha - Tacho
PS - Joana Fernanda Ferreira de Lima - Tacho
CHEGA - Gabriel Sérgio Mithá Ribeiro - NÃO TACHO!
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 01.04.2024 às 11:21

O Chega / André Ventura, desceram ao golpe baixo: troca-tintas. Dizem uma coisa e o seu contrário.
A rutura vai ser na própria bancada do Chega. Diogo Amorim tem os seus princípios ele foi o ideólogo do Chega, ao contrário do André Ventura cujos pergaminhos vêm do "futebolês" da CMTV. Ser um ótimo orador não é sinónimo de bom político ou bom líder. A retórica do André Ventura é boa para os evangélicos que estão no Chega, mas não serve os interesses de Portugal. Resumindo, como político André Ventura éum tretas, um flop.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 01.04.2024 às 12:44

...Mas não foi sempre assim que funcionou aquela clubinho da gruta do ali-baba?
Arruaceiros mal-educados, venda no olho e sobretudo a não admissão do "NAO!!!", é a características desta associacaozita de quem, por ja todos os esquemas ter gasto sem resultados plausíveis, se decidiu juntar e votar no "ditos", porque a Esperança e sempre a ultima a morrer!!!
"Pode ser que aqui me safe..."
E pronto, vai de pedir uma ginginha e um copo de 3, berrar contra tudo e todos, gritar a peito cheio que são 1 milhão (nao se esquecam que o Estado novo tinha mais, o Putin ainda tem mais e o querido Reich, tinha e ainda tem, uma caterva de seguidores, todos sempre na esperança que sejam eles o "next reich", seja la onde for...).
Infelizmente, com tanta ginginha e copos de 3, foge-lhes o pé pro chinelo, esquecem-se que não estão na tasca a jogar sueca, e o efeito é o do costume, gritaria tipo pretenso namorado que não aceita o tal "NAO!!!" e a tristeza que se viu.
Fantástico é que, o que acabei de escrever, e um discurso meio xenófobo, de direita e, pasme-se, a demonstrar a estes pseudo "chegadeiros" de trazer por casa, que nem sequer se sabem portar com o aprumo que, supostamente, deveria fazer parte de um partido serio e com 1 milhão de eleitores...!!!
Este e o defeito maior da democracia, permitir que o voto de um imbeciloide valha tanto como o de um cidadão serio.
Amén...

Comentar post


Pág. 1/2



Mais sobre mim

foto do autor



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.




Arquivo

  1. 2024
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2023
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2022
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2021
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2020
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2019
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2018
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2017
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2016
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2015
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2014
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2013
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2012
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2011
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2010
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D
  196. 2009
  197. J
  198. F
  199. M
  200. A
  201. M
  202. J
  203. J
  204. A
  205. S
  206. O
  207. N
  208. D
  209. 2008
  210. J
  211. F
  212. M
  213. A
  214. M
  215. J
  216. J
  217. A
  218. S
  219. O
  220. N
  221. D
  222. 2007
  223. J
  224. F
  225. M
  226. A
  227. M
  228. J
  229. J
  230. A
  231. S
  232. O
  233. N
  234. D
  235. 2006
  236. J
  237. F
  238. M
  239. A
  240. M
  241. J
  242. J
  243. A
  244. S
  245. O
  246. N
  247. D
  248. 2005
  249. J
  250. F
  251. M
  252. A
  253. M
  254. J
  255. J
  256. A
  257. S
  258. O
  259. N
  260. D

Maria Sofia Magalhães

prosas biblicas 1.jpg

À venda na livraria Ler Devagar



caminho dos ossos.jpg

 

ciclo da pedra.jpg

 À venda na Edita-me e na Wook

 

da sombra que somos.jpg

À venda na Derva Editores e na Wook

 

a luz que se esconde.jpg