Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Defender o Quadrado

Nesta casa serve-se tudo a quente. As cadeiras são de pau e têm as costas direitas. Há sempre pão a cozer e o conforto da desarrumação. A porta está sempre aberta... mas fecha-se rapidamente aos vermes que infestam alguns cantos do quadrado. Sejam

Vento

escultura de Mary Tierney: Standing Feathers

 

Está muito vento. Saraivada de areia e calor amarelado

meio obscuro. Fecho os olhos e sinto a pele arranhada

açoitada. Entrego-me à penitência sem oferecer resistência.

 

Era melhor que o vento e a areia

me varressem. Poderiam começar pelos cabelos

depois os olhos depois o resto

pouco a pouco defazendo-se

e desgastando-se pelo ar amarelo e barrento.

3 comentários

Comentar artigo