Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Defender o Quadrado

Nesta casa serve-se tudo a quente. As cadeiras são de pau e têm as costas direitas. Há sempre pão a cozer e o conforto da desarrumação. A porta está sempre aberta... mas fecha-se rapidamente aos vermes que infestam alguns cantos do quadrado. Sejam

Conversa outonal


Tempo de compotas
de castanhas e chuva.

Cheiro de mosto
de saudades e choro.


Tempo de sussurros
de arrepios e malgas.

Sabor de lágrimas
de amor e segredos.

Tempo de ventania
de mãos e sementes.

Som de tempestades
de corpos e lixo.

Tempo de permeio
de folhas e peregrinos.

Impressão de enganos
de ilusões e rodeio.


À conversa com Ana Luísa

(pintura de Raphael Collazo: friends and relatives)