Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Defender o Quadrado

Nesta casa serve-se tudo a quente. As cadeiras são de pau e têm as costas direitas. Há sempre pão a cozer e o conforto da desarrumação. A porta está sempre aberta... mas fecha-se rapidamente aos vermes que infestam alguns cantos do quadrado. Sejam

Serviço público

Todos sabemos que a Ministra da Educação tem razão quando fala da organização dos horários e da formação das turmas, do cumprimento burocrático e da falta de orientação e motivação das escolas.

Todos sabemos que é verdade que nas várias instituições do Estado, que deveriam providenciar os melhores serviços a todos os cidadãos, ter funcionários exemplares que entendam o que é serviço público, está instalado o laxismo, o deixa andar, o tanto faz fazer muito como pouco. Estou a referir-me a escolas, centros de saúde, hospitais, tribunais, serviços de finanças, etc.

Deixemo-nos pois de gritinhos de espanto e poses de virgens ofendidas e desvirginadas quando o ouvimos dizer, alto e claramente, por quem deve zelar para que as coisas mudem.

Deixemos pois de clamar contra o governo e contra o parlamento e contra o presidente. Somos nós, como sociedade, que temos que nos exigir mais. Premiar quem merece, punir quem não merece.

As reestruturações das várias carreiras são indispensáveis. As progressões por mérito, por concursos públicos, por capacidades, por dedicação, são imperiosas, como imperioso é avaliar a competência dos profissionais, desde os mais altos responsáveis.

Não se admitem mais conjuntos de frases bombásticas da parte de quem diz que defende mas só desacredita os verdadeiros profissionais.

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.