Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Uma pequeníssima nota

por Sofia Loureiro dos Santos, em 07.10.06

Não percebo porque é que tanta gente achou o discurso de Cavaco Silva sobre a corrupção TÃO importante, TÃO abre espaço ao governo de Sócrates, que TANTO agrega vontades, oh que bom que há tantos motivos de consenso na sociedade portuguesa.

Após um PACTO de justiça, patrocinado pelo mesmo Presidente, em que se não falava da dita corrupção, eis senão que se lhe dá um rebate na alma e vai de clamar contra esse veneno da democracia.

E, saído dos escombros do esquecimento, sai João Cravinho de espada em riste e leis preparadas para a nossa assembleia aprovar e, depois, ignorar.

Tal como se ignoravam olimpicamente os mesmos discursos anti corrupção do anterior Presidente Jorge Sampaio.

Porque é que é tão importante realçar a maravilhosa e sã convivência entre Sócrates e Cavaco?

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:02


13 comentários

Sem imagem de perfil

De Emigrante a 08.10.2006 às 10:35

Está tudo a correr bem! Sã convivência entre PR e PM, as sondagens continuam a pôr o PS na crista da onda, enfim, uma mar chão, diria mesmo, um mar de rosas...
( cada um entenderá esta felicidade à sua maneira...No entanto, ninguém duvida que certos media abandonaram simplesmente a função da informação)
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 08.10.2006 às 02:27

estes dois são teimosos...
eu respondo: é importante para os seus donos.

fr
Sem imagem de perfil

De PG a 07.10.2006 às 22:14

Nem eu! Pelo sim e pelo não, apaguei o meu último comentário.
Sem imagem de perfil

De Sofia Loureiro dos Santos a 07.10.2006 às 21:50

PG: passámos de agendas ocultas para comentários ocultos? Não percebi nada!
Sem imagem de perfil

De Sofia Loureiro dos Santos a 07.10.2006 às 21:09

Impaciente Português: e qual terá sido esse primeiro-ministro?

PG: evidentemente.
Sem imagem de perfil

De PG a 07.10.2006 às 20:43

Vejo que não quer responder à questão que levanta. Está no seu direito, evidentemente.
Sem imagem de perfil

De impaciente português a 07.10.2006 às 20:11

Com a minha idade, a memória já me atraiçoa mas, há alguns anos, não existiu um primeiro-ministro que disse, mais ou menos, isto:
"Corrupção? Se eu não sei, é porque não existe!".

Sic transit memoria...
Sem imagem de perfil

De Sofia Loureiro dos Santos a 07.10.2006 às 20:01

PG: preferia, de longe, ler as suas especulações no Bloguítica!
Sem imagem de perfil

De PG a 07.10.2006 às 19:09

Mas não quer tentar responder à pergunta que coloca no final do seu post?
Se a levanta é porque a considera importante.
Sem imagem de perfil

De Sofia Loureiro dos Santos a 07.10.2006 às 18:52

PG: deixo à sua imaginação.

Comentar post


Pág. 1/2



Mais sobre mim

foto do autor



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.




Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2007
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2006
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D
  196. 2005
  197. J
  198. F
  199. M
  200. A
  201. M
  202. J
  203. J
  204. A
  205. S
  206. O
  207. N
  208. D

Maria Sofia Magalhães

prosas biblicas 1.jpg

À venda na livraria Ler Devagar



caminho dos ossos.jpg

 

ciclo da pedra.jpg

 À venda na Edita-me e na Wook

 

da sombra que somos.jpg

À venda na Derva Editores e na Wook

 

a luz que se esconde.jpg