Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Horas

por Sofia Loureiro dos Santos, em 10.02.08
Partilho com as horas
um entendimento perfeito
elas gastam-me
eu desperdiço-as.

Arrasto-as langorosas pelo corpo
que as acolhe sedento de rugas
perfeitas no seu inevitável
aborrecimento.


(pintura de Saba Hasan: Indifferent History)

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 20:58

Multiculturalismo

por Sofia Loureiro dos Santos, em 10.02.08
A proibição do uso do véu islâmico nas Universidades não me parece uma medida que acautele a laicidade do estado. A forma de vestir dos cidadãos é do foro da esfera privada. Se quisermos proibir a uso do véu, poderemos imaginar vários motivos para a proibição do uso de calções, piercings, cabelos rapados, cucifixos, etc.

Nesse sentido a decisão do parlamento turco não impede a separação entre a religião e o estado. A argumentação de que é um símbolo de submissão da mulher ao homem e da desigualdade entre géneros não pode ser invocada, pois admite-se que o uso desses símbolos é feito por livre decisão dos próprios.

Já a possibilidade de que a Charia (ou Sharia) seja admitida nas comunidades islâmicas dos países europeus, laicos, com uma lei que deve ser aplicada a todos os cidadãos que lá vivem é, quanto a mim, uma hipótese perigosa e disparatada.

A inserção das várias comunidades nos países de acolhimento deve ser feita na aceitação das regras culturais e da legislação desses países. Não se podem criar países dentro de países, que vivem de forma autónoma com as suas próprias leis, que contrariam a essência dos valores das comunidades onde os imigrantes se querem integrar. O respeito pela cultura de quem vem não pode por em causa os valores e a cultura de quem está. Esse tipo de multiculturalismo é a melhor maneira de promover e eternizar a segregação e a marginalização das comunidades imigrantes.

Na sociedade ocidental a separação entre a Igreja, qualquer que ela seja, e o Estado, é uma conquista de bem-estar e de liberdade que não deve ser posta em causa, mesmo com as melhores intenções de integracionismo e respeito pelas diferenças.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:40

Dream a litle dream of me

por Sofia Loureiro dos Santos, em 09.02.08
Stars shining bright above you
Night breezes seem to whisper "I love you"
Birds singing in the sycamore tree
Dream a little dream of me

Say nighty-night and kiss me
Just hold me tight and tell me you’ll miss me
While I’m alone and blue as can be
Dream a little dream of me

Stars fading but I linger on dear
Still craving your kiss
I’m longing to linger till dawn dear
Just saying this

Sweet dreams till sunbeams find you
Sweet dreams that leave all worries behind you
But in your dreams whatever they be
Dream a little dream of me

Stars shining up above you
Night breezes seem to whisper "I love you"
Birds singing in the sycamore tree
Dream a little dream of me

Sweet dreams till sunbeams find you
Sweet dreams that leave all worries behind you
But in your dreams whatever they be
Dream a little dream of me

Yes, dream a little dream of me

(Gus Kahn/ Fabian Andre/ Wilbur Schwandt/Irving Milton Adolphus; cantam Ella Fitzgerald e Louis Armstrong)

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:12

Começar de novo

por Sofia Loureiro dos Santos, em 09.02.08
Começar de novo
e contar comigo
vai valer a pena
ter amanhecido
ter me rebelado
ter me debatido
ter me machucado
ter sobrevivido
ter virado a mesa
ter me conhecido
ter virado o barco
ter me socorrido
Começar de novo
e contar comigo
vai valer a pena
ter amanhecido
sem as tuas garras
sempre tão seguras
sem o teu fantasma
sem tua moldura
sem tuas escoras
sem o teu domínio
sem tuas esporas
sem o teu fascínio
Começar de novo
e contar comigo
vai valer a pena
ter amanhecido
sem as tuas garras
sempre tão seguras
sem o teu fantasma
sem tua moldura
sem tuas escoras
sem o teu domínio
sem tuas esporas
sem o teu fascínio
Começar de novo
e contar comigo
vai valer a pena
já ter te esquecido

(composição: Ivan Lins / Vitor Martins; canta Simone)

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:00

Dos Socialistas

por Sofia Loureiro dos Santos, em 09.02.08
  • socialismo - de social - doutrina de organização económica e social que considera que o interesse e o bem da comunidade se devem sobrepor ao interesse particular (Priberam informática)


A escolha do candidato presidencial Mário Soares, a escolha do candidato à Câmara de Lisboa António Costa, a decisão de ratificar o Tratado de Lisboa no Parlamento, esquecendo uma promessa eleitoral, são sinais de que este fragmento da Declaração de Princípios do Partido Socialista (PS) não está a ser posto em prática pela actual direcção política do PS.

Gostaria que Manuel Alegre usasse o seu capital de convicções, princípios e simpatia, para além do tão famoso milhão de votos, do qual também fiz parte, para promover uma discussão ideológica entre os seus apoiantes. Definisse o que é a atitude gestionária e quais as alternativas propostas a essa atitude. Que explicasse em que medida o socialismo democrático e que respeita os direitos do Homem, o mérito, que pugna pela justa distribuição da riqueza, que promova a verdadeira igualdade de oportunidades e o acesso à felicidade, tem lugar na nossa sociedade e no PS.

Não basta afirmamo-nos de esquerda e a favor das políticas sociais. É preciso dizer como as vamos por em prática, como as vamos sustentar, como vamos distribuir a riqueza, como vamos integrar os imigrantes de uma forma que lhes permita agir na sociedade com os mesmos direitos e deveres dos restantes cidadãos, como vamos promover o mérito e ter uma atitude contrária à gestionária.

Essa renovação de ideias, essa abertura de janelas para receber a grande ventania será muito importante se percebermos que a verdadeira oposição é o medo da mudança, a resistência a perceber que o mundo não volta para trás, é aprender com as diferenças.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:43

Estudocracia

por Sofia Loureiro dos Santos, em 09.02.08
Por mim faziam-se estudos técnicos para decidir quais os técnicos que tecnicamente estariam em melhores condições técnicas para governar.

Relativamente aos votantes, que elegessem os técnicos responsáveis pelas nossas vidas e pela vida do nosso e estreito conhecido universo, teriam que ser escolhidos através de estudos científicos que demonstrassem quão irrazoáveis são as escolhas efectuadas.

Resolver-se-ia tecnicamente que não estão reunidas condições técnicas para a democracia.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:26

Descanso

por Sofia Loureiro dos Santos, em 09.02.08
Depois da alma exposta
retalhada por minhas mãos
e olhares públicos
faço dela mesa manta espelho.

Depois dos milhares de passos
em direcções oblíquas
por agudas pedras marcados
faço deles espaço areia sementes.

(escultura de Reg Butler: Woman Resting)

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 15:11

Repito

por Sofia Loureiro dos Santos, em 09.02.08
Uso métodos
arrumados credíveis
débitos
uso moedas
perecíveis
uso gestos
comestíveis
digeríveis.

Repito.

(pintura de Oliver Whelan: Gesture Book Etching)

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 15:03

Renascer

por Sofia Loureiro dos Santos, em 09.02.08
Os caminhos estão rodeados de flores amarelas e rochas, o ar é quente e bravio, o sol estimula a retina e renova o espírito.

Que dia lindo, de uma Primavera precoce e tentadora.

Hoje só apetece passear vagarosamente de mãos dadas, saboreando estes pequenos intervalos de irrealidade.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:59

Prémio

por Sofia Loureiro dos Santos, em 04.02.08
O blogue Câmara Corporativa resolveu distinguir este blogue como um Blog de Elite.

Não sei se mereço tamanha honra, que desde já agradeço. Mas os blogues que a seguir nomeio merecem-na sem qualquer dúvida. São eles:

Aspirina B
Herdeiro de Aécio
hoje há conquilhas, amanhã não sabemos
Kontratempos
Ladrões de Bicicletas

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:47



Mais sobre mim

foto do autor



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.




Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2007
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2006
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D
  196. 2005
  197. J
  198. F
  199. M
  200. A
  201. M
  202. J
  203. J
  204. A
  205. S
  206. O
  207. N
  208. D

Maria Sofia Magalhães

prosas biblicas 1.jpg

À venda na livraria Ler Devagar



caminho dos ossos.jpg

 

ciclo da pedra.jpg

 À venda na Edita-me e na Wook

 

da sombra que somos.jpg

À venda na Derva Editores e na Wook

 

a luz que se esconde.jpg