Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Defender o Quadrado

Nesta casa serve-se tudo a quente. As cadeiras são de pau e têm as costas direitas. Há sempre pão a cozer e o conforto da desarrumação. A porta está sempre aberta... mas fecha-se rapidamente aos vermes que infestam alguns cantos do quadrado. Sejam

Pandemia

Seguramente, embora ainda não identificado, há um vírus extremamente perigoso, com latência variável, que infecta todos os que ocupam lugares de poder.

Os sintomas são variados mas conduzem sempre ao mesmo desfecho: autoritarismo crónico intenso, tentativa de controlo dos subordinados, desconfiança, suspeição e autismo.

Não se conhece vacina nem cura e a terapêutica sintomática é, habitualmente, rejeitada pelos doentes que não reconhecem a própria enfermidade.

Sugere-se a formação de equipas multidisciplinares de forma a desenvolver estudos científicos que possibilitem a descoberta de uma vacina minimamente eficaz.

A única arma é a prevenção: nunca assumir a direcção ou a condução de quaiquer processos, por muito inócuos que pareçam, nem que seja a escolha do local de encontro de amigos, para o habitual almoço psicanalítico!

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.